Jogos online e offline de RPG e Tabuleiro.

O que é RPG

21 225

Neste texto explicamos o que é RPG, apresentando passo a passo os diferentes mundo dos Role-playing Games e seus desdobramento nos jogos virtuais.

o-que-e-rpg

O que é RPG?

Você sabe o que é RPG? Vamos descobrir?

A sigla RPG significa Jogo de Interpretação de Papeis (Role-playing game, em inglês). Consiste em um jogo no qual os jogadores assumem personagens que são regrados dentro de planilhas elaboradas (chamadas de fichas) e assumem o desafio de explorar mundos imaginários (chamados cenários) propostos por um outro jogador, definido pelo grupo, que narra toda a história e faz os desafios mentais com o restante deles utilizando de regras escolhidas por eles (chamados sistemas).

Esse jogador em especial normalmente é chamado de narrador, gamemaster (mestre do jogo), ou simplesmente “mestre”.

No RPG, os jogadores se reúnem para contar uma história compartilhada, mas ao contrário de somente contarem histórias, eles desafiam o cenário estabelecido, e quem propõe a dificuldade é o mestre. Para resolver as situações com base na aleatoriedade, os RPG utilizam poliedros multifacetados (dados) no qual, ao jogarem, precisam atingir certo número para conseguirem o sucesso da ação.

O que é RPG – Como surgiu o RPG?

O RPG surgiu em 1974, quando dois amigos: Gary Gygax (1938 – 2008) e David Arneson (1947 – 2009) fizeram um complemento de regras para um jogo de miniaturas de guerra chamado Chainmail.

Neste jogo, os jogadores faziam simulações de batalhas medievais, com dezenas de miniaturas. Eles tiveram a ideia de expandir esse conceito, e invés de exércitos se digladiando, trouxeram o conceito de “grupo” de aventureiros explorando masmorras e matando dragões. Com isso, eles inventam o primeiro RPG criado: o Dungeons and Dragons.

O Role-Playing Game tornou-se famoso muito rápido entre esses jogadores, e alguns novos, e logo, já era cultuado em rodas de amigos espalhados por todo os EUA. E em poucos anos, começou a se espalhar em vários outros países.

O que é RPG – Quais são os temas dos RPGs?

O RPG em si não é restrito aos cenários medievais. Desde a sua criação, os cenários se multiplicaram tão quanto existem cenários criados para literatura e cinema/TV. Os cenários mais jogados são:

RPG de Fantasia Medieval

Alta ou Baixa Magia: Dungeons and Dragons, Pathfinder, Old Dragon, Dungeon World, Tormenta RPG, Yggdrassil, Lenda dos 5 Anéis, Guerra dos Tronos RPG.

RPG de Horror investigativo

Call of Cthulhu RPG, Kult, In Nomine, Arkanum / Trevas RPG.

RPG de um futuro próximo (Cyberpunk)

Cyberpunk Red, Shadowrun.

RPG Horror pessoal (Onde os protagonistas são monstros ou fogem de monstros)

Vampiro: A Máscara, Lobisomem: O Apocalipse, Mago: A Ascensão, e demais do segmento Storyteller/Storytelling, Terra Devastada, The Shotgun Diaries RPG.

RPG de Ficção Científica / Space Opera / Futuro Distante

Star Wars RPG, Traveller RPG, 3:16 – Carnificina nas Estrelas, UED, Abismo Infinito.

RPG de Super-Heróis de Quadrinhos

Marvel Superheroes, Mutants and Masterminds.

O que é RPG – Sistemas Genéricos

Como existem regras de cenários específicos, também existem Role-Playing Games genéricos no qual os mestres e jogadores pode optar pelas regras que possam criar qualquer cenário, ou até misturar tudo ao seu bel prazer. Esses sistemas são chamados de “Sistemas Genéricos”. Exemplo: GURPS (Generic Universal Role Playing System), Savage Worlds.

o-que-e-rpg

Quais são as ferramentas necessárias para jogar RPG?

Uma singularidade de todos os Role-Playing Games é que eles precisam de certos objetos para poderem jogar:

  • Um sistema de Regras (normalmente um ou mais livros)
  • Fotocópias das planilhas de personagens (chamado de ficha de personagens)
  • Dados (que variam de formato e quantidade dependendo do sistema)

Alguns jogos em específico também utilizam de outros materiais, como:

  • Miniatura de monstros e personagem.
  • Tabuleiro (chamado muitas vezes de grid de combate).
  • Ferramentas virtuais.
  • Computadores, smartphones, tablets, etc.

O que é RPG – Quais os tipos de RPG que existem?

Com a popularização do RPG em meios geeks, não demorou para o jogo alcançar novas plataformas de entretenimento. Hoje o termo RPG abrange não só o jogo de mesa/tabuleiro, mas sim diversos outros jogos.

1 – Tabletop RPG, ou TRPG

Tabletop RPG, ou TRPG: é o RPG tradicional, onde os jogadores se reúnem normalmente em uma roda de amigos (mesa) para jogar. Hoje, com o advento da tecnologia da informação, existem aplicativos e sites que quebram essa barreira física, e partem para o virtual.

2 – Live Action Roleplay, ou LARP

Live Action Roleplay, ou LARP: é uma evolução ao RPG tradicional, onde os jogadores se caracterizam com seus personagens. Em um LARP, as regras são mais restritas, e todo um aparato logístico é feito para que os jogadores respeitem as regras e a cena. Esse tipo de modalidade de RPG é muito jogado na Europa (em sua versões medievais) e nos EUA (em sua versões mais adultas, como monstros).

3 – Massive Multiplayer Online RPG, ou MMORPG

Massive Multiplayer Online RPG, ou MMORPG: ao contrário do RPG tradicional, os MMOs (como são conhecidos) são jogos de computadores/videogames no qual os jogadores interagem, seja interpretando ou não. Por causa dos MMOs que o termo RPG se popularizou.

4 – RPG Eletrônico ou RPG de Computador/Vídeo games

RPGs Eletrônicos: antes dos MMOs, já existiam jogos de videogame e de computador que emulavam/simulavam RPGs, mas eram restritos a somente um jogador, e tinham poucas opções de interação entres personagens, em sua maioria, controlados pelo jogo.

5 – Livros-Jogos ou Aventuras-Solo

Livros-Jogos ou Aventuras-Solo: livros que emulam jogos de RPG, mas também de utilização de um único jogador. Esses livros colocam opções para o leitor seguir e fazer a história. Ele não funciona lendo linearmente, mas sim, quando lido uma página, escolhe-se uma opção a seguir, e vai até a página indicada.

0-que-e-rpg

O que é RPG e o que ele significa na cultura GEEK atual

Hoje em dia é difícil não encontrar algum jovem que não tenha jogado um dos tipos de RPG existentes no mercado, tanto na sua versão offline quanto online. O RPG se transformou em peça de consumo disputado por editoras e empresas, e está bem representado na TV, literatura e cinema.

Muitos filmes e programas já utilizaram citações de RPG, mesas, e até o próprio RPG como tema principal de enredo. Atualmente a série Stranger Things, da Netflix, gira em torno de um grupo de jovens que jogam RPG. A séria utiliza muito da cultura geek da déc. de 1980, e também termos do próprio RPG citado, o Dungeons and Dragons.

O que é RPG – Quais os benefícios de jogar RPG?

Os Role-Playing games são jogos de interação social, análise crítica, imaginação e conhecimentos gerais. Várias disciplinas e conhecimentos são utilizados ao se jogar RPG, tanto pela parte do mestre quanto dos jogadores. Os conhecimentos e habilidades utilizados e ampliados são:

1 – Interação social

Interação social: o RPG é um jogo social. Isto impulsiona os jogadores articularem e conversarem entre si, quebrando a introspecção caso ocorra com algum dos jogadores. Jogadores de RPG se tornam amigos de longa data.

2 – Ampliação de interpretação textual

Ampliação de interpretação textual: muitos dos materiais de RPG são livros, que precisam ser interpretados. Os jogadores, intuitivamente, fazem interpretação desses textos para que o jogo não seja comprometido. A leitura é essencial, e desperta nos jogadores a procura por literatura relacionada ao jogo que estão jogando.

3 – Aperfeiçoamento de língua estrangeira

Aperfeiçoamento de língua estrangeira: No Brasil, tem uma boa biblioteca de RPGs já lançados, tanto traduções quanto produções nacionais, mas muito do material existente no mercado global de RPG é em outra língua, e predominantemente em inglês. Jogadores e mestres se vêem incentivados a aprender ou desenvolver a leitura nessa língua quando jogam com sistemas/cenários importados.

4 – Cálculos matemáticos e lógicos

Cálculos matemáticos e lógicos: RPG é um jogo imaginativo, mas para resoluções de problemas ou ações, muitos sistemas parte para a matemática e lógica, onde os jogadores são apresentados as regras do jogo em si. Nada no RPG é feito de forma aleatória, e para se alcançar determinada ação, dados e matemática devem ser unidos, com uma dose de aleatoriedade e limitados ao contexto de personagem.

5 – Pesquisa

Pesquisa: para uma imersão mais completa no cenário proposto, jogadores e mestres são obrigados a pesquisar onde está o recorte espacial do cenário. Se for fictício, obras relacionadas, filmes, séries, ou até músicas são uma fonte de pesquisa e inspiração. Se for um cenário baseado na história real, livros de história ou revistas são uma fonte adicional de pesquisa. Novamente, a leitura é reforçada.

Esses conhecimentos e habilidades são praticados não só no RPG em sua versão de mesa, mas também nas diversas outras versões apresentadas.

Quem ganha no RPG?

RPG não são jogos de “vencer ou perder”. Trata-se de jogos cooperativos, onde os jogadores (e seus personagens) são jogados em um cenário e são desafiados a sobreviver. É comum personagens serem perdidos nesses cenários, mas o jogador que perdeu o personagem pode simplesmente fazer outro!

Como um jogo no qual os jogadores desenvolvem histórias, o RPG é um jogo no qual seu objetivo é desenvolver a história do seu personagem, buscar objetivos, fazer planos e metas, alianças, e enfrentar inimigos. E o que o jogador ganha são horas de diversão sadia junto aos seus amigos. Esse é o objetivo do RPG: diversão!

Glossário básico do RPG ou Léxico do RPG

Segue um glossário básico sobre o que é RPG:

Jogador:

Pessoa que interpreta um personagem. Conhecido também como Player.

Personagem:

Criatura imaginada e transcrita para uma ficha/planilha. É o alter-ego do jogador. Conhecido também com PJ (personagem do jogador) ou PC (Player Character, em inglês)

Mestre:

Jogador especializado. Esse jogador é o responsável ao dar vida ao cenário/sistema de RPG. Ele também propõe os desafios para os jogadores, que utilizam seus personagem para superar o que é proposto por ele. Ele também atua como outros personagens dentro da aventura, chamados de NPC (Non-Player Character em inglês) ou Personagens do Mestre, mas não tem um personagem específico, ao contrário dos jogadores. Ele é o principal responsável pela diversão de todos. Conhecido também com Narrador, GM (Game Master em inglês), DM (Dungeon Master em inglês).

Dados:

Poliedros multifacetados. Os mais comuns são os dados de seis lados (conhecidos como d6) mas sistemas diversos podem utilizar outros dados de vários lados, como os de quatro faces (d4), oito faces (d8), dez faces (d10), doze faces (d12), e vinte faces (d20). Outros dados especiais podem ser solicitados pelo sistema.

Sistema:

Conjunto de regras para se jogar RPG.

RPG:

Role-playing Game (inglês) ou Jogo de Interpretação de Papeis.

Cenário:

Mundo-base onde os personagens do jogador estão. Esse cenário é manipulado conforme vontade do Mestre.

Ficha/Planilha de Personagem:

Papel, normalmente fotocopiado, onde são inseridos histórico e dados característicos do personagem interpretado pelo jogador. É o limitador do que o personagem pode fazer ou não no sistema/cenário. Também é anotado a evolução do personagem, conforme ele progride no jogo.

Fim do texto – o que é RPG

Obrigado por ter lido até aqui. Espero ter gostado de saber o que é RPG. Salve o MaisRPG em seus favoritos, assine nossas redes sociais e se prepare para muito mais conteúdo como este. Se quiser alguma referência da Wikipedia, acesse esse link. E se quiser saber mais sobre o que significa RPG, acesse aqui.

21 Comentários
  1. […] literal da palavra RPG, do inglês Role-Playing Games, é Jogo de Intepretação de Papeis, como aprendemos no artigo o que é RPG. É um jogo, com vários tipos e temáticas diferentes, no qual os jogadores assumem conceitos e […]

  2. […] quem serão os jogadores e quem será o mestre. Caso tenha dúvidas dos papéis de jogo, acesse esse link para esclarecimentos. O mestre é responsável por criar a aventura e mediar as regras do jogo, […]

  3. […] Obrigado por ter lido até aqui. Salve o blog em favoritos, assine o nossas redes sociais e se prepare para muito mais conteúdo como este. Se quiser saber o que é RPG, é só acessar aqui. […]

  4. […] Obrigado por ter lido até aqui. Espero ter gostado de saber como fazer um RPG de mesa. Salve o blog em seus favoritos, assine nossas redes sociais e se prepare para muito mais conteúdo como este. E se quiser saber mais sobre o que é RPG, acesse aqui. […]

  5. […] Obrigado por ter lido até aqui. Espero ter gostado de saber como mestrar RPG de mesa. Salve o blog em seus favoritos, assine nossas redes sociais e se prepare para muito mais conteúdo como este. E se quiser saber mais sobre o que é RPG, acesse aqui. […]

  6. […] fã de Games com certeza já ouviu falar ou jogou ao menos um dos títulos do RPG Eletrônico The Legend Of Zelda. Com mais de 30 anos de história, esse é um game que continua a […]

  7. […] venho com mais um artigo sobre o que é RPG. Esse artigo é voltado para QUEM NÃO JOGA, ou seja, se você é figurinha carimbada nas mesas de […]

  8. […] Witcher é um jogo de RPG online de ação desenvolvido pela CD Projekt RED e publicado pela […]

  9. Filmes de RPG - Mais RPG

    […] jogos de RPG são inspiradores, pois além de mexer com a imaginação dos jogadores, transforma a vida deles, […]

  10. […] cenários de DnD/D&D, ou Dungeons and Dragons, são famosos em todos os grupos de RPG pois são obras complexas de imersão no jogo. Com geografia, história e sociologia próprios, […]

  11. […] de conhecer o que é RPG, a primeira coisa a se procurar é qual RPG jogar. Muitos RPGs são conhecidos pelos seus sistemas, […]

  12. […] Age é um RPG eletrônico lançado pela BioWave, mesma desenvolvedora de outros RPG eletrônicos como Baldur’s Gate e […]

  13. […] de Vampiro RPG, os jogos de RPG era cheios de regras complexas que abrangiam várias ações e possibilidades, com fichas gigantes […]

  14. […] A Ascensão (Mage: The Ascencion) é um RPG de fantasia urbana, onde os jogadores interpretam magos, os maiores seres sobrenaturais do cenário […]

  15. […] a qualquer propaganda ou procura por livros que estejam na moda, existem alguns livros de RPG, seja ele módulos básicos, suplementos ou até livros/revistas com o tema RPG que não são […]

  16. […] RPG de mesa são bem famosos no mundo todo, impulsionados pela cultura de Dungeons & Dragons. Eles aparecem […]

  17. […] utilização de conceitos para interpretar em um jogo de RPG é feita se construindo um personagem por parte de uma ideia. Em jogos de RPG mais antigos, o […]

  18. […] jogo de RPG é um exercício de imaginação, onde os jogadores abstraem da realidade e adentram em mundos […]

  19. […] RPG de Tabuleiro são jogos de tabuleiro que simulam RPG, mas necessariamente não são jogos de interpretação de papeis pois os jogadores não são […]

  20. LATINHA Diz

    Reconheco alguns personagens…

    1. Felipo Bellini Diz

      Eita!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.