Jogos online e offline de RPG e Tabuleiro.

Fire Emblem Awakening: um RPG

0 12

Fire Emblem Awakening faz parte da conhecida série de SRPG  desenvolvida pela Intelligent Systems e distribuída pela Nintendo. Ele é o décimo primeiro título da franquia.

O desenvolvimento do Fire Emblem Awakening começou em 2010, com vários veteranos da série Fire Emblem preenchendo os principais papéis de desenvolvimento. O game vem com muitas melhoras e novidades em relação aos títulos anteriores, e ótimos gráficos.

Acompanhe.

Fire Emblem Awakening RPG

Depois de ter sido lançado, o jogo recebeu elogios da crítica e alcançou fortes vendas em todo o mundo. Os aspectos elogiados foram principalmente as novas adições à jogabilidade tradicional e acessibilidade aos novatos da série.

Fire Emblem Awakening: um RPG 1
Clique na imagem para conferir o game no site oficial da Nintendo.

O título tem gráficos, jogabilidade e som de alta qualidade, não atoa recebeu tantas críticas positivas. O game foi indicado para vários prêmios das publicações de videogame, muitas vezes citado como um dos melhores jogos na plataforma 3DS.

É sem dúvida um dos principais responsáveis pelo aumento das vendas do 3DS e considerado por diversos especialistas como um dos melhores RPGs de todos os tempos.

Fire Emblem Awakening RPG: o mundo do jogo

O game da continuidade ao seu predecessor. O jogo acontece aproximadamente 2000 anos após os eventos de Fire Emblem: Shadow Dragon e the Blade of Light

Fire Emblem Awakening game.

Nos tempos antigos Fell Dragon Grima, tentou destruir o mundo.

Para deter Grima, os descendentes de Naga, o Dragão Divino, escolheram o governante, o Exalt e concederam a eles poder através de dois objetos mágicos: Falchion, uma espada que pode matar dragões e o emblema de fogo, um escudo mágico (Escude de Selos).

De posse dessas armas, o Exalt atingiu Grima, enviando-o para um longo sono. No período intermediário, os continentes de Archanea e Valentia ficaram conhecidos como Ylisse e Valm

Como consequência o continente foi unificado e experimentou dois milênios de relativa paz, com conflitos entre povos, mas sem dragões querendo destruir a humanidade.

Como era de esperar, durante o passar dos séculos vários reinos e países surgiram ou foram unificados, e o continente acabou se dividindo em três nações principais.

Atualmente, a terra de Ylisse é dividida entre Halidom de Ylisse, que continua a adorar Naga, e é governada por Exalt Emmeryn. Há ainda o reino de Plegia, que adora Grima, e Regna Ferox, um país cujos governantes competem periodicamente pelo domínio.

Quanto aos descendentes de Marth (o Exalt que matou o dragão sombrio Medeus), eles fazem parte da família real de Ylisse, uma nação pacifica que presta culto ao dragão divino Naga. A linhagem desta família possui marcas Naga por todo o corpo e portam a espada divina Falchion e o escudo do selo.

Os relatos sobre os adoradores de Grima, como resposta o príncipe de Ylisse, Chrom convoca uma milícia chamada de Shepards para observar e combater as ações violentas de seu vizinho.

Quinze anos antes o pai de Chrom já havia travado uma guerra religiosa contra seus vizinhos de Plegia, ocasião que danificou muito os dois países. E gerou um ressentimento entre ambos os povos que nunca se abranda.

Este é o cenário de base que o jogador vai enfrentar. Seu personagem adentra a história como um estratégista que perdeu a memória e é encontrado inconsciente pelo príncipe Chrom.

Fire Emblem Awakening RPG: ficha técnica

Ameaçado de ser o último jogo da série caso não vendesse ao menos mais de 250.000 unidades, o game deixou sua equipe de desenvolvedores em pânico e acabou levando a mudanças significativa em vários pontos do jogo, desde mapas a gráficos.

Tudo para tornar o game atrativo e fazer um sucesso comercial que asseguraria a continuação da série. Confira a ficha técnica do jogo a seguir:

  1. Desenvolvedor: Intelligent Systems, Nintendo SPD;
  2. Publicadora: Nintendo;
  3. Diretores: Kouhei Maeda, Genki Yokota;
  4. Produtores: Toru Narihiro, Hitoshi Yamagami;
  5. Artista: Toshiyuki Kusakihara, Yūsuke Kozaki;
  6. Escritores: Kouhei Maeda, Nami Komura, Masayuki Horikawa, Yuichi Kitaoka, Sou Mayumi e Shuntaro Ashida;
  7. Compositores: Hiroki Morishita, Rei Kondoh”;
  8. Serie: Fire Emblem;
  9. Plataforma: Nintendo 3ds;
  10. Lançamento: 19 de abril de 2012;
  11. Gênero: RPG tático;
  12. Modo de jogo: um jogador, multijogador.

Fire Emblem Awakening RPG: personagens

A customização dos personagens é um dos pontos mais interessantes da série. O game permite que o jogador adapte a experiência de jogo ao seu modo, seja seu estilo mais causal ou hardcore.

Fire Emblem Awakening: um RPG 2
Fire Emblem Awakening game.

É possível até alterar a voz dos personagens entre japonês e inglês, aumentar a velocidade das animações de batalha e turnos do combate.

O jogador iniciar o game com um dos personagens centrais da história, o tático desacordado que é encontrado pelo príncipe Chrom. É possível personalizar o personagem escolhendo o sexo, a cor do cabelo, os tipos de recursos e a voz do Avatar.

Ao longo da jornada novos personagens podem ser recrutadas para a sua equipe de batalha.

Fire Emblem Awakening RPG: jogabilidade

Há dois modos de jogo: o clássico e o casual. No modo Clássico, os personagens derrotados na batalha estão permanentemente mortos, incapazes de serem usados ​​pelo resto do jogo.

Já o modo casual permite que os jogadores desabilitem a morte permanente dos personagens.

Sempre que Chrom ou o personagem Avatar morre em batalha em qualquer modo, o jogador recebe uma mensagem “Game Over” e deve reiniciar a batalha.

Fique atento, o game sempre seleciona de forma automática as últimas unidades utilizadas na nova batalha, portanto. confira se os personagens e armas, e veja se eles tem tudo que é necessário para o novo combate antes de iniciar.

Pode ser que você precise trocar suas unidades, se for o caso, faça isso. Você também reposicionar as unidades em todo início de batalha, portanto, aproveite e reveja a distribuição do seu time também.

O jogo tem vários níveis de dificuldade: os três modos padrão são Normal, Difícil e Lunático. Um quarto nível de dificuldade, Lunatic +, é desbloqueado após a conclusão do jogo no modo Lunatic.

A hora do dia no mapa do mundo é sincronizada com o fuso horário do jogador e a hora do dia. E depois que se obtêm acesso ao grupo de personagens, é possível viajar pelas diversas aéreas do mapa e revisitar áreas já visitadas.

Novos locais podem conter missões da história principal, bem como histórias secundárias onde novos personagens podem ser recrutados.

Mas, o ponto forte do jogo é seu sistema de batalhas, ele funciona tão bem que parece haver infinitas maneiras de trilhar os caminhos de combate do jogo. Por exemplo, quando o jogador posiciona uma unidade ao lado de outra obtemos um bônus, e assim por diante.

Lembre-se de deixar itens de cura com as suas unidades, vai ajudar muito na hora do combate. O game também apresenta uma boa variedade de armas, como machados, espadas, lanças, livros de magia, então escolha as armas certas para a luta.

Cada arma tem sua vantagem e desvantagem, mas o jogo sempre vai dando dicas de qual arma é mais indicada naquele combate. O game indica com um ponto vermelho se a arma é ou não ideal para aquela disputa.

Por fim, não se esqueça de treinar suas unidas para que elas tenham um melhor desempenho no campo de batalha.

Para finalizar deixamos você com esse vídeo do trailer oficial de Fire Emblem Awakening.

Nintendo 3DS – Fire Emblem: Awakening Traile

Divirta-se e até a próxima com Mais RPG!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.